Missões e feiras internacionais da Fundação AIP para 2019: Tektónica Moçambique, EUA e Colômbia

A Fundação AIP prossegue com as suas missões e feiras internacionais, sobretudo naqueles que são sectores em que os portugueses mais se destacam: construção e imobiliário.

Tektónica Moçambique, EUA e Colômbia, iniciativas no mercado externo organizadas pela Fundação AIP, através da Lisboa – Feiras, Congressos e Eventos, com o apoio do Portugal 2020 e da Aicep, já têm data marcada para 2019. Saiba a mais abaixo sobre cada uma delas e como pode a sua empresa participar.

Para se inscrever nestes certames envie a sua manifestação de interesse para teresa.gouveia@ccl.fil.pt ou jose.cardoso@ccl.fil.pt.


Grande Encontro de Negócios da Construção e Imobiliário USA / Portugal

O Grande Encontro de Negócios da Construção e Imobiliário USA / Portugal realiza-se de 6 a 8 de Março de 2019, em Newark, em parceria com a Media Consult.

Este encontro de negócios conta com a participação de mais de 250 grandes empresários luso-descendentes do sector da construção da costa leste dos Estados Unidos, de mayors e responsáveis de algumas cidades norte-americanas.

Esta comunidade luso-descendente que trabalha no sector é responsável por algumas das principais obras feitas desde a habitação às infraestruturas ou edifícios públicos, e adquiriu um forte reconhecimento pela qualidade do trabalho realizado.

Esta missão empresarial – O Grande Encontro de Negócios da Construção e Imobiliário USA / Portugal – será uma grande oportunidade para as empresas portuguesas do sector da construção e imobiliário, não só para mostrar e vender os seus produtos, como também para procurar parcerias com empresas de luso-descendentes, sendo essa uma forma de entrada mais segura no mercado.


Tektónica na Colômbia – Expoconstrucción y Expodiseño

De 14 a 19 de Maio, a Fundação AIP far-se-á representar novamente na Tektónica -Expoconstrucción y Expodiseño, a maior feira da construção na Colômbia, em Bogotá.

É já a 15ª edição desta feira, que tem como finalidade promover o desenvolvimento e crescimento do Sector da Construção (Arquitetura, Infraestruturas, Materiais de Acabamento, Energia e Climatização, Ferramentas, Maquinaria e Equipamentos, Automatismos e Segurança e Design de Interiores).

Este evento tem demonstrado ser uma das plataformas mais importantes para a indústria da construção na América Latina.


Uma porta de entrada para o mercado africano: FACIM / Tektónica Moçambique   

A Fundação AIP organiza, de 26 de Agosto a 1 de Setembro, com o apoio institucional da aicep e do programa Portugal 2020, o Pavilhão De Portugal e a Tektónica Moçambique, no âmbito da FACIM 2019, o maior evento comercial de dimensão internacional em Moçambique e no qual a presença de Portugal é assídua, tendo ao longo dos anos sido frequentemente reconhecida pelo seu contributo no desenvolvimento da Feira Internacional de Maputo.

A FACIM é uma feira multissectorial, com um pavilhão inteiramente dedicado às empresas portuguesas. Aí, insere-se a Tektónica Moçambique, uma oportunidade para as empresas portuguesas contactarem diretamente com os principais agentes e decisores no mercado da Construção, Imobiliário, Energia, Ambiente, Segurança e Decoração neste país africano.

O facto de a Tektónica Moçambique se realizar no âmbito da FACIM é uma mais valia para as empresas portugueses presentes, pois permite contactos de negócios com empresas de vários países.

O sector da construção é um dos principais motores do desenvolvimento da economia moçambicana, com investimentos em infraestruturas, transportes, redes de distribuição de água, exploração mineira, energia e comunicações, Imobiliário residencial e comercial, escritórios, turismo e restauração entre outros sectores.

Para se inscrever nestes certames envie a sua manifestação de interesse para teresa.gouveia@ccl.fil.pt ou jose.cardoso@ccl.fil.pt.

[/fusion_builder_column][/fusion_builder_row][/fusion_builder_container]
Missões e feiras internacionais da Fundação AIP para 2019: Tektónica Moçambique, EUA e Colômbia2019-01-07T18:11:06+00:00

“A trajectória do Portugal Exportador nestas suas 13ª edições permite-nos configurar um importante “mapa para a internacionalização”

Realizou-se dia 14 de Novembro, no Pavilhão do Rio do Centro de Congressos de Lisboa, a 13ª edição do único evento exclusivamente dedicado à exportação em Portugal: Portugal Exportador, uma organização da Fundação AIP, do Novo Banco e da aicep Portugal Global.

Com mais de 70 expositores, o Portugal Exportador apostou, nesta edição, em 4 mercados – Angola, Espanha, EUA e China e em 4 clusters – agroalimentar, automóvel, construção e tecnológico, tendo conseguido reunir as PME’s e as grandes empresas dos vários sectores. Esta novidade é fruto da grande aposta na inovação promovida pela Fundação AIP.


Sobre o projecto do Portugal Exportador, o Presidente da Fundação AIP, Comendador Jorge Rocha de Matos refere que a “longevidade do Portugal Exportador e o seu crescimento anual é o reconhecimento de que esta iniciativa apresenta uma proposta de valor muito interessante para as empresas, em particular para as PME“, acrescentando que a sua trajectória “permite-nos configurar um importante “mapa para a internacionalização”“.

Juntando embaixadas, câmaras de comércio, consultoras, startups e empresas de referência, o Portugal Exportador revela-se anualmente como o espaço por excelência para as empresas “definirem uma estratégia diferenciada no que se refere ao acesso aos mercados, consoante as geografias, os segmentos e produtos, serviços, conteúdos e conceitos em causa.”

Enquanto o único evento em Portugal exclusivamente dedicado à exportação, o Portugal Exportador tem ajudado a reforçar a convicção que “para exportar é fundamental investir de forma inteligente no reforço da cadeia de valor das empresas e da economia“, apostando sempre na cooperação estratégica entre as empresas, as universidades e os outros centros de saber, assim como o governo e as suas instituições.

 

“A trajectória do Portugal Exportador nestas suas 13ª edições permite-nos configurar um importante “mapa para a internacionalização”2019-01-07T18:11:07+00:00

Quer participar no SIB Marrocos, o maior salão do sector da construção do Norte de África?

De 21 a 25 de Novembro em Casablanca, Marrocos – Pavilhão de Portugal com o apoio do Portugal 2020

Com mais de 180.000 visitantes e 700 expositores, o SIB – Salon Internacional du Batiment que se realiza em Casablanca – Marrocos de 21 a 25 de Novembro, é a principal porta de entrada para o mercado marroquino, para o norte de África e região de África Subsariana.

Casablanca é a maior cidade de todo o Magreb e o centro de negócios por excelência da região, tendo as exportações portuguesas para Marrocos crescido 12,3%, em 2017, impulsionadas pela actividade de mais de 1300 empresas portuguesas, com destaque para o sector da construção.

Mais uma vez, o pavilhão de Portugal, organizado pela Fundação AIP com o apoio da aicep e do Portugal 2020, é um dos maiores espaços do SIB, a par de outros importantes países, como Turquia e Itália, sendo o espelho da competitividade das empresas portuguesas no mercado marroquino.

O mercado da construção no Magreb e em toda a região Subsaariana, continua em forte crescimento, quer na habitação como também no sector das obras públicas.

A organização do Pavilhão de Portugal ainda aceita inscrições de empresas portuguesas interessadas em expandir-se para o mercado africano. Para os interessados, basta contactar teresa.gouveia@ccl.fil.pt ou jose.cardoso@ccl.fil.pt.

 

Quer participar no SIB Marrocos, o maior salão do sector da construção do Norte de África?2019-01-07T18:11:07+00:00

Fundação AIP reforça compromisso com o desenvolvimento económico de Moçambique

A APIEX – Agência para a Promoção de Investimento e Exportações e a Fundação AIP assinaram no dia 28 de Agosto, em Marracuene, um acordo de cooperação com vista ao estreitamento dos laços de cooperação bilateral entre ambos os países. (mais…)

Fundação AIP reforça compromisso com o desenvolvimento económico de Moçambique2019-01-07T18:11:08+00:00

Pavilhão de Portugal na FACIM Moçambique 2018: uma porta de entrada para o mercado moçambicano

FACIM 2018 realiza-se de 27 de Agosto a 2 de Setembro, em Maputo.

Inscrições Abertas!

 

A Fundação AIP organiza o Pavilhão de Portugal na FACIM 2018, feira multissectorial que se realiza anualmente na Feira Internacional de Maputo, em Moçambique. Este ano, a FACIM abre portas a 27 de Agosto e prolonga-se até dia 2 de Setembro.

Classificada como o maior evento comercial internacional de Moçambique, a presença de empresas portuguesas na FACIM significa uma porta de entrada com vista à expansão para o mercado moçambicano, sendo o local ideal para o estabelecimento de novos contactos, networking e captação de investimento africano.

No âmbito da FACIM acontece a Tektónica Moçambique, dedicada sobretudo às empresas portuguesas interessadas em contactar directamente com os principais agentes e decisores no mercado da Construção, Imobiliário, Energia, Ambiente, Segurança e Decoração em Moçambique.

O sector da construção é um dos principais motores do desenvolvimento da economia moçambicana, com cada vez mais investimentos em infra-estruturas, transportes, redes de distribuição de água, exploração mineira, energia e comunicações, Imobiliário residencial e comercial, escritórios, turismo e restauração, entre outros sectores.

O trabalho contínuo que a Fundação AIP desenvolve com o governo Moçambicano e em estreita articulação com a aicep, potencializa as relações comerciais/negócios entre as empresas portuguesas, moçambicanas e da África Austral, pois a posição geográfica estratégica de Moçambique, voltada para as economias do subcontinente indiano e do sudoeste asiático, responsáveis por parte considerável do comércio internacional, fazem deste país a grande porta de entrada e saída de grande parte do comércio com a África Austral.

Participe na FACIM/Tektónica Moçambique e marque a presença da sua empresa no Pavilhão de Portugal. Para se inscrever preencha este boletim e envie para teresa.gouveia@ccl.fil.pt, jose.cardoso@ccl.fil.pt ou diogo.gouveia@ccl.fil.pt.

 

 

Esta acção insere-se no Projecto Conjunto PT2020 nº26537, pelo que as PME consideradas elegíveis serão reembolsadas aquando do encerramento do projecto em cerca de 50% dos custos elegíveis desta iniciativa.

As PME da região de Lisboa serão alvo de cofinanciamento em cerca de 40% dos custos elegíveis. Quanto às regiões autónomas (Açores e Madeira) não se encontram abrangidas por este programa.

Pavilhão de Portugal na FACIM Moçambique 2018: uma porta de entrada para o mercado moçambicano2019-01-07T18:11:10+00:00